thumb menino-jogador-2

Menino sem braços encontra nos pés o caminho para seu sonho

Armando Zagarra Junior, 14, já tem nome de jogador

José Armando Pimentel Zagarra Junior, é esse o nome do camisa 14 do Time Replay do Guajará-AM, um verdadeiro nome de jogador de futebol. O menino é um exemplo de superação e determinação. Aos 14 anos o maior sonho de Armando, como é mais conhecido,  é ser jogador profissional de futebol, mas enquanto o sonho não é realizado ele joga nos times da pequena cidade amazônica. O que torna  esse menino um verdadeiro exemplo de superação é a forma determinada que ele tenta fazer da imaginação uma realidade. Armando já nasceu sem os braços, devido um problema de má formação genética, mas nada é impedimento para sonhar e buscar essa realização.

“Desde os cinco anos que eu comecei a jogar bola e ter a vontade de ser jogador e estou nesse caminho. Eu sei que um dia eu vou ser um jogador, e não tenho medo de nada que possa vir pela frente não. Meu sonho é ganhar em um time profissional e conseguir mostrar para todos que eu como qualquer outra pessoa sou capaz, muitas pessoas pensam que só porque eu sou assim eu sou uma pessoa indefesa, mas a maioria me trata normalmente”, disse o menino.

Apesar do futebol necessitar primordialmente das pernas e pés para ser praticado, os braços são essenciais para qualquer função exercida pelo ser humano, em especial o esporte.  Para Armando não ter os braços nunca foi dificuldade.

“Eu sou tão feliz , acho muitas vezes que sou mais feliz do que muitas pessoas que se dizem ser perfeitas por que tem pernas e braços, e são “normais”. Mas penso que a verdadeira perfeição vem de dentro de si, em fazer aquilo que se quer e buscar dar o melhor de si para conseguir”, falou determinado.

Mesmo quando é derrubado pelos colegas dentro das quadras ou no campo, ele logo encontra um jeitinho de levantar e seguir em frente. É por isso que o camisa 14 é considerado um exemplo para todo o time.

“Eu faço tudo no meu dia-a-dia. Minha deficiência nunca me impediu de fazer nada, são pequenas coisas que as vezes eu tenho um pouco de dificuldade, mas nada que me desanime. Graças a Deus eu consigo fazer tudo que quero e imagino, pois quando uma pessoa tem força de vontade e determinação ela chega aonde quer, independente de como ela seja”, relatou o jovem jogador ao enfatizar que qualquer sonho só depende da própria pessoa para ser realizado.

Segundo Agno da Silva, auxiliar técnico do time Replay, Armando é incentivado por toda equipe para alcançar o sonho.

“Nós incentivamos ele. Ele é o capitão da equipe, porque é o melhor. Não falta treinamento é esforçado, é um exemplo para o time”, contou.

E em meio à felicidade estampada no rosto, o jovem jogador vai tentando alcançar o tão sonhado desejo, o de ser um jogador profissional de um famoso time de futebol.

Deixe uma resposta