thumb CEFort

Fortaleza e Ceará ficam no zero a zero na 1ª partida da decisão

Campeão alencarino será conhecido na próxima quarta

A primeira metade da decisão do Campeonato Cearense não teve gols. Ceará e Fortaleza ficaram no 0 a 0 no jogo de ida da final do estadual, resultado que manteve a vantagem do Ceará, que joga pelo empate. Ao Leão só a vitória interessa na quarta feira (23).

O jogo começou bastante movimentado. O alvinegro foi o primeiro a mexer com a torcida presente ao Castelão. Aos seis minutos Magno Alves se aproveitou de um descuido da zaga tricolor e acertou a trave direita de Ricardo.

Dois minutos depois, o tricolor respondeu. Numa bola alçada na área o baixinho Edinho cabeceou com perigo, assustando o goleiro Luis Carlos, que apenas observou a bola passar rente ao poste direito.

Apesar da movimentação, o jogo carecia de maiores emoções. Em uma das melhores chances da primeira etapa, aos dezenove minutos, Bill invadiu a área, cortou o zagueiro, mas foi desarmado por Radar.

Sem Marcelinho Paraíba, que cumpria suspensão, e Waldison que deixara o jogo na parada técnica, sentindo um problema na coxa, o Fortaleza se ressentia de um maior poderio ofensivo, comprometendo as ações do atacante Robert.

Após os 30 minutos, as equipes apertaram a marcação no meio de campo, dificultando a criação de jogadas. Mesmo assim, Edinho voltou a ameaçar a meta alvinegra aos 40 minutos, quando girou dentro da área e chutou para importante defesa de Luis Carlos.

No fim do primeiro tempo, pouca bola rolando e muitas faltas, com as duas equipes descendo para o intervalo sem mexer no placar.

A segunda etapa começou com o Ceará apresentando maior posse de bola. Samuel Xavier arriscou um chute de longa distância e assustou a torcida tricolor. Edinho, sempre ele, respondeu para Leão, mas o goleiro Luis Carlos salvou mais uma vez.

Com o empate a seu favor, o Ceará parecia trabalhar a bola com maior tranquilidade. Já o Fortaleza tentava impor velocidade com as jogadas pelas laterais, que buscavam sempre o atacante Robert. Porém o artilheiro do Brasil não conseguia espaço.

A partir dos 15 minutos o Fortaleza caiu um pouco de rendimento, proporcionando ao adversário algumas investidas perigosas. Porém aos 36 minutos veio o lance mais importante do jogo. Bill foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Magno Alves foi para a cobrança e colocou pra fora.

Daí pra frente o que se viu foi o Fortaleza ganhar novo ânimo e partir pra cima do Ceará, que se apenas se defendia, porém as jogadas do Leão não surtiram o efeito esperado, e o jogo terminou mesmo do jeito que começou. 0 x 0.

As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (23), às 22 horas, na Arena Castelão. O Fortaleza precisa de uma vitória simples para conquistar o título. Ao Ceará basta um empate.

A reapresentação do elenco leonino acontece nessa quinta feira, a partir das 16 horas, no Parque dos Campeonatos.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*