Acusado de matar Prof. Theodoro se entrega

Tiago Bruno da Conceição, 19 anos, entregou-se, no final da manhã desta sexta-feira, 11, na Delegacia da 4ª Regional. O jovem é acusado de, no dia 20 de junho deste ano, em um condomínio de Rio Branco, tirar a vida do professor universitário Raimundo Oliveira Theodoro, 41.

De acordo com o advogado do acusado, Gley Gomes de Holanda, que o acompanhou à distrital, a morte do professor Theodoro teria acontecido de forma acidental, sem dar mais detalhes.

Relembre o crime

Na manhã do dia 20 de junho deste ano, numa sexta-feira, Raimundo Oliveira Theodoro foi assassinado a facadas, dentro de seu apartamento, em um condomínio de Rio Branco. Apesar de o carro da vítima ter sido levado, a polícia trabalha com a hipótese de homicídio passional.

O crime aconteceu em um condomínio fechado, localizado no bairro Floresta. Por volta de 10 da manhã, o serviço de atendimento móvel de urgência (SAMU) foi chamado, mas o servidor público, Raimundo Oliveira Teodoro, de 41 anos, já estava morto. “O paciente teve ferimento por arma branca no tórax esquerdo e faleceu no local”, disse Dr. Castro, médico do Samu.

Ainda no período da manhã do dia 20 de junho, moradores do bairro Joafra informaram à polícia que um veículo havia sido abandonado na região. Era o carro da vítima, um modelo HB20. A frente do automóvel foi danificada no momento em que o suspeito do crime fugia do estacionamento do condomínio. Ele bateu contra uma moto e um carro que estavam estacionados.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*