thumb bibliotecaflo

Biblioteca da Floresta homenageia Chico Mendes

Em alusão aos 25 anos da morte de Chico Mendes, a Biblioteca da Floresta promove neste mês o Gritarte, uma programação especial com eventos artísticos. Nesta sexta-feira (22), uma vasta programação foi realizada em alusão a várias datas como: dia da cultura, criatividade, música, consciência negra entre outras.

Uma atividade especial foi executada com alunos da Escola Chico Mendes, lembrando os 25 anos da morte do herói da floresta, que deu nome à escola, com um projeto de reciclagem. Os pequenos produziram arte a partir de latinhas, caixinhas de leite e diversos materiais recicláveis. Matheus Luiz (8) que gosta de ler, preferiu criar o próprio marca página. “Quando eu fechar o livro vou lembrar de onde parei por causa da marcação”, explica o menino.

O programação especial leva um nome que mistura grito com arte: Gritarte. A exposição de reciclagem também ganhou um título diferente: Reciclarte. “O resultado da exposição tem muito sentimento, de renovação, de respeito a natureza”, disse Marcos Afonso, Diretor da Biblioteca da Floresta.

Crianças da Escola Castelo Branco também puderam acompanhar a exposição dos alunos da Escola Chico Mendes. Ouviram dos próprios artistas, a mensagem que os novos produtos pretendem passar.

A programação do Gritarte encerra com o lançamento do livro “Sonhar, voar e viajar” do poeta Raimundo Nonato. A obra financiada pela Fundação Estadual de Cultura, também traz ilustrações do artista plástico Jorge Francisco do Nascimento, falecido em 2002.

Deixe uma resposta