Bolsonaro sanciona inclusão de famílias baixa renda na Tarifa Social de Energia

Projeto de Lei havia sido aprovado pela Câmara dos Deputados em meados de agosto

O presidente Jair Bolsonaro, sem partido, sancionou neste domingo (12), uma lei que determina a inscrição automática de famílias de baixa renda como beneficiárias da Tarifa Social de Energia Elétrica.

A Câmara dos Deputados aprovou em meados de agosto o Projeto de Lei (PL) que facilita a inclusão automática de famílias de baixa renda entre os beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica. Atualmente, os interessados deveriam procurar as concessionárias de energia elétrica para pedir o benefício.

O projeto propõe a inclusão automática na Tarifa Social dos inscritos no CadÚnico, o cadastro único para programas sociais do governo federal. A Tarifa Social de Energia Elétrica concede descontos de até 65% no pagamento das contas de energia, dependendo da faixa de consumo.

O desconto para quem consome até 30 kilowatts-hora (kWh) é de 65% do valor total. As residências que consomem entre 31 kWh/mês e 100 kWh/mês recebem desconto de 40% na conta. Já quando o consumo fica entre 101 kWh/mês e 220 kWh/mês, o desconto concedido é de 10%.

Deixe uma resposta