Conab nega crise no setor sucroalcooleiro

 

A Conab não admite crise na produção de cana de açúcar. Em material de divulgação distribuído nesta quinta, nenhuma referência ao ambiente de crise porque passa o segmento, sobretudo nas regiões de referência como o interior de São Paulo.

Para a Conab, a produção deve alcançar 659 milhões de toneladas. A União da Indústria de Cana de Açúcar estima que haverá redução de 40 a 50 milhões de toneladas na safra 2014/2015, comparada à safra anterior.

Essa leitura da Única obrigou à Conab reagir e partir para o embate dos números. Para a Companhia do Governo, “a cana-de-açúcar produzida na safra 2014/15 deverá chegar a 659 milhões de toneladas, volume semelhante ao período anterior”.

A Conab argumenta que a previsão se fundamenta no levantamento da safra de cana-de-açúcar, divulgado nesta quinta-feira (7), em Brasília. “O estudo mostra que houve elevação da área de corte, que passou de 8,8 para 9,1 milhões de hectares. As condições climáticas desfavoráveis contribuíram de maneira negativa na produtividade dos canaviais, sobretudo da região Centro-Sul”, diz a companhia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*