18-06-21-escolha de imunizantes

Desinformação sobre vacinas atrapalha imunização

Apenas 65.565 pessoas tomaram segunda dose no Acre

Desde o início da vacinação contra a covid-19, muitas especulações foram geradas por conta da desinformação, contribuindo para que muitas pessoas estejam receosas de qual imunizante tomar. Entretanto, as vacinas utilizadas em todo território nacional foram aprovadas e autorizadas para o uso em massa.

“As vacinas já são autorizadas com padrões de segurança e eficácia bem determinada, todas elas são eficazes. A vacina boa é aquela que está disponível na hora da imunização”, explica o médico Osvaldo Leal.

Atualmente, três vacinas são distribuídas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) aos estados da federação, são elas: Oxford/AstraZeneca da Fiocruz; CoronaVac do Instituto Butantan e a Pfizer/Biontech.

De acordo com o Ministério da Saúde, 420.600 doses de imunizantes foram enviadas ao Acre desde o dia 19 de janeiro de 2020, mas apenas 238.565 vacinas foram aplicadas. Por outro lado, o Portal da Transparência do Governo do Acre informa a chegada de apenas 341.300 imunizantes, mostrando uma diferença de quase 80 mil doses.

18-06-21-escolha de imunizantes 2

O governo também informa que 173.000 pessoas receberam a primeira dose do imunizante, enquanto apenas 65.565 buscaram os pontos de vacinação para receber a segunda dose contra a covid-19. Para os especialistas, apenas a vacinação em massa pode acabar com a pandemia.

Enquanto 70% da população não for vacinada, é preciso continuar mantendo os cuidados necessários para combater o novo coronavírus, enfatiza o médico Osvaldo Leal.

“Estamos vivendo no Acre esse momento de relativa tranquilidade, não significa que vencemos o problema da pandemia, e é nesse momento que as pessoas tendem a relaxar nos cuidados”, conclui.

Deixe uma resposta