Eletrobrás: funcionários reclamam dos serviços

A frente da sede da Eletrobrás Acre foi tomada na manhã desta segunda-feira, 17, por faixas e cartazes, colocadas pelos funcionários,  expressando a preocupação com a vida financeira e organizacional da antiga Eletroacre.

Segundo os sindicalistas, estão acontecendo problemas de atendimento no plantão, porque os contratos são provisórios e vários técnicos saíram da Eletrobrás com o programa de demissão voluntária, e outros não foram colocados, e os serviços, para o consumidor, está em queda de qualidade. E, tudo isso, segundo os sindicalistas, pode ser usado como justificativa para um futuro programa de privatização do setor elétrico.

A direção da Eletrobrás nega a queda na qualidade dos serviços. O diretor de operações, Joaquim Rolim, chega a falar de um índice, onde revela  que houve uma melhora de 30% do tempo de duração e frequência da energia nas unidades consumidoras.

Segundo Rolim,  os problemas enfrentados pela Eletrobrás são pontuais, e todos estão sendo resolvidos.

No dia 2 de abril, a Eletrobrás Acre vai apresentar o balanço dos serviços de 2013 e as metas para 2014. Na mesma planilha serão revelados dados da arrecadação e investimentos.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*