Banner petecaoGE2

“Existe uma insatisfação generalizada. Temos que aproveitar esta oportunidade”, diz Petecão

“Não sei quantos candidatos a oposição vai ter. Mas vou fazer de tudo para viabilizar meu nome”, declarou o senador Sérgio Petecão, do PSD. Segundo ele, política não tem prazo e disse que a conversa com Tião Bocalom(DEM) e Henrique Afonso(PV) está avançada.

Petecão voltou a falar que é favorável a pelo menos duas candidaturas ao palácio Rio Branco. Disse ainda que não vê nenhum problema em concorrer ao cargo, mesmo exercendo mandato. Ele lembrou o caso do governador Tião Viana(PT), que deixou o Senado para disputar a eleição de 2010.

O parlamentar mostrou-se desconfiado com a pesquisa divulgada pelo Ibope que mostrou Tião Viana com 70% de aprovação, o terceiro mais bem avaliado do país. “Ou as pesquisas estão enganadas ou essas pessoas vivem em um estado que eu não vivo”, enfatizou.

O senador apontou falhas na atual gestão e duvidou que até o fim do ano, todas as ruas do Acre estejam pavimentadas. Questionado sobre a chapa dos sonhos, ele não hesitou: “Petecão, governador; Henrique, vice e Bocalom para o Senado.”

Ele finalizou a conversa com o jornalista Alan Rick e falou dos objetivos para este ano. “O desafio é que nós possamos fazer a grande mudança. Existe uma insatisfação generalizada. Temos que aproveitar esta oportunidade”, afirmou.

Deixe uma resposta