Mulheres dicutem direitos no baixo Acre

Mulheres de municípios da região do baixo Acre participam de oficinas de capacitação do Conselho Estadual dos direitos da mulher. O evento tem objetivo de reforçar conhecimentos quanto às políticas públicas de gênero em âmbito nacional.

Na abertura do encontro, realizado nesta terça-feira (25), as representantes dos municípios acreanos puderam acompanhar um pouco do que vai ser debatido nos próximos três dias, sobre o papel dos conselhos dos direitos da mulher. Durante a oportunidade também foram apresentados dados do crescimento de organismos de políticas para as mulheres no Estado, desde a criação da Secretaria voltada ao gênero. Para a secretária de políticas públicas para as mulheres, Concita Maia, a capacitação das gestoras e conselheiras fortalece as ações em prol dos direitos da mulher. “É um momento em que nós vamos nos fortalecer para oferecer à sociedade e as mulheres em especial, serviços de melhor qualidade e de as conselheiras poderem estar fiscalizando, monitorando e propondo ações”, disse.

Segundo a presidente do Conselho estadual dos direitos da mulher, Raimunda Bezerra, vários temas podem ser abordados durante as oficinas quando se discute a defesa da Mulher, no entanto, hoje o direito a vida ainda é um assunto que não sai de pauta. “Se você pegar o jornal todos os dias tem mulher sendo espancada, violentada, assassinada. Então isso é um tratamento que é dado por parte da sociedade às mulheres e que precisa parar”, salienta.

Uma das palestras dentro do encontro de capacitação vai tratar da temática sobre a trajetória e o papel dos conselhos no monitoramento do Plano nacional de políticas para as mulheres.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*