Banner Policiamercado

Prefeitura quer retirar bares que incentivam a prostituição

Prefeito de Rio Branco Marcus Alexandre busca uma saída para retirar os comércios que ainda resistem na área da beira do rio Acre, próximo ao mercado Elias Mansour. Em janeiro, vários pontos comerciais foram destruídos com um grande incêndio, mas oito estabelecimentos ainda estão em plena atividade. Para piorar, as pessoas que se dividiam em 4 bares no pontos antigos, agora se concentram em apenas um.

Na sexta-feira passada, Josimar Oliveira, de 42 anos, foi baleada duas vezes por um desafeta quando ingeria bebida alcoólica. A mulher está internada e não corre risco de morte. O crime foi o estopim para o prefeito Marcus Alexandre buscar uma saída rápida para a retiradas desses pontos comerciais.

Segundo a Policia Militar, o local concentra a maior área de prostituição e venda de drogas no centro da cidade.

Quando os comércios próximos aos mercado Elias Mansour foram destruídos por um incêndio, no início do ano, a prefeitura decidiu fechar a área e impedir novas  construções. Mas não sabe como retirar os comércios que não foram destruídos. O prefeito garante que, assim que passar o período de alagação vai conversar com os comerciantes e buscar uma saída. “Por enquanto não temos outro locais para oferecer aos comerciantes que dependem economicamente desse pequenos estabelecimentos”, disse.

Deixe uma resposta