Redes sociais: sistema promete detectar mentiras

Notícias sobre mortes repentinas de famosos e fatos mirabolantes na sua timeline ou na sua caixa de e-mail estão com os dias contados. A alta velocidade em que informações como essas se espalham nas redes sociais torna difícil para os internautas verificarem serumores e os boatos são realmente verdadeiros. Pensando em acabar com essas “falsas informações”, o projeto Pheme pretende criar um sistema online que verifica automaticamente a veracidade das notícias.

A pesquisadora chefe do projeto, Dr. Kalina Bontcheva do Departamento de Ciências da Computação da Universidade de Sheffield, explica em nota da instituição que as redes sociais já sofreram ameaças de serem fechadas para prevenir manifestantes de usá-las para se organizar.

“Mas as redes sociais também dão informações úteis, o problema é que acontece tão rápido que não podemos separar a verdade das mentiras. Isso torna difícil responder a rumores, por exemplo, para serviços de emergência desvendarem uma mentira e manter a situação calma. Nosso sistema pretende ajudar encontrando e verificando as informações em tempo real”.

A nota da universidade afirma que o projeto vai categorizar fontes para descobrir se uma postagem é verdadeira, como portais de notícias, jornalistas, especialistas e testemunhas oculares. Também será possível procurar por históricos que ajudem a encontrar contas doTwitter que tenham sido criadas só para espalhar informações falsas.

O sistema irá focar em ajudar serviços de emergência, jornalistas e agências de saúde. A colaboração é de cinco universidades europeias com três empresas três empresas e cinco universidades europeias e uma companhia do Quênia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*