Servidores do Ibama ameaçam greve

Os serviços pararam na sede do Ibama na manhã dessa terça-feira, 10. Os 86 servidores estão acompanhando um manifesto que está sendo realizado em todo Brasil. Por enquanto foi apenas uma paralisação, mas a categoria pode decidir por um movimento de greve. Os trabalhadores querem de volta a progressão funcional, que reajustava a cada ano 5% do salário. Desde 2002, os contratados como especialistas em meio ambiente passaram a ter a progressão, mas nesse ano, uma nova lei, criando cargos, retirou o reajuste, estagnando a remuneração. O repasse seria agora no mês de janeiro.

Segundo a secretária da Associação dos Servidores do Ibama, os funcionários pedem que a Presidência da República faça uma regulamentação na lei, voltando com a progressão de carreira. O manifesto é uma forma de chamar a atenção do governo federal e do congresso nacional, e, se, não forem ouvidos, as sedes do Ibama em todo Brasil devem fechar por tempo indeterminado.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*