SISU: Ufac inicia matrículas da 1ª chamada

Iniciou hoje, 17, o período de matrículas da 1ª chamada do Sisu 2014 na Ufac. Mais de 2 mil vagas serão disponibilizadas. Os candidatos devem ficar atentos aos documentos que devem ser apresentados.

O início da vida universitária para muitos chegou. As matrículas da 1ª chamada do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) iniciou nesta sexta-feira (17) e os candidatos terão até os dias 20 e 21 para assumir uma das 2050 vagas em 42 cursos disponibilizados no Sisu.  A equipe do Núcleo de Registros e Controle acadêmico irá receber o público interessado, no bloco da Pró Reitoria de graduação, nos horários entre 8:30 e 12:00 e  entre 14:00 e 17:30.

A Pró reitora , Socorro Neri, lembra que é preciso consultar o edital da Ufac, para não sofrer transtornos na hora da matrícula. “A orientação é que os candidatos obedeçam a documentação que conta no comunicado expedido pela Ufac no site da instituição e também que tragam o formulário preenchido”, disse.

As vagas reservadas para alunos que cursaram todo ensino médio em universidade pública e que tem a família com renda igual ou menor que um salário mínimo e meio devem apresentar o questionário sócio econômico disponível no site.

Os candidatos que não foram chamados devem ficar atentos à segunda-chamada, que será divulgada no dia 27 deste mês e também ao prazo de manifestação de interesse, onde o candidato continua concorrendo.

Medicina da Ufac é o segundo curso mais disputado do Sisu

Um detalhe do balanço do Sisu deste ano colocou mais uma vez o curso de medicina da Ufac em evidência. O curso é o segundo mais concorrido do Sistema, em primeiro lugar está o curso de arquitetura e urbanismo de uma universidade de São Paulo.

O curso de medicina recebeu quase 17 mil candidatos às 80 vagas oferecidas, deixando a concorrência em 210 por vaga. Ficar nesta posição no ranking do Sisu, para a pró-reitora, é um fato que precisa ser avaliado. “Nós precisamos saber quais são as causas. De fato isso demonstra que a universidade está sendo valorizada por estudantes do país inteiro, mas precisamos de médicos formados no Acre. Então precisamos discutir essas questões”, comentou a Pró reitora, Socorro Neri.

SISU: Ufac inicia matrículas da 1ª chamada

Iniciou hoje, 17, o período de matrículas da 1ª chamada do Sisu 2014 na Ufac. Mais de 2 mil vagas serão disponibilizadas. Os candidatos devem ficar atentos aos documentos que devem ser apresentados.

O início da vida universitária para muitos chegou. As matrículas da 1ª chamada do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) iniciou nesta sexta-feira (17) e os candidatos terão até os dias 20 e 21 para assumir uma das 2050 vagas em 42 cursos disponibilizados no Sisu.  A equipe do Núcleo de Registros e Controle acadêmico irá receber o público interessado, no bloco da Pró Reitoria de graduação, nos horários entre 8:30 e 12:00 e  entre 14:00 e 17:30.

A Pró reitora , Socorro Neri, lembra que é preciso consultar o edital da Ufac, para não sofrer transtornos na hora da matrícula. “A orientação é que os candidatos obedeçam a documentação que conta no comunicado expedido pela Ufac no site da instituição e também que tragam o formulário preenchido”, disse.

As vagas reservadas para alunos que cursaram todo ensino médio em universidade pública e que tem a família com renda igual ou menor que um salário mínimo e meio devem apresentar o questionário sócio econômico disponível no site.

Os candidatos que não foram chamados devem ficar atentos à segunda-chamada, que será divulgada no dia 27 deste mês e também ao prazo de manifestação de interesse, onde o candidato continua concorrendo.

Medicina da Ufac é o segundo curso mais disputado do Sisu

Um detalhe do balanço do Sisu deste ano colocou mais uma vez o curso de medicina da Ufac em evidência. O curso é o segundo mais concorrido do Sistema, em primeiro lugar está o curso de arquitetura e urbanismo de uma universidade de São Paulo.

O curso de medicina recebeu quase 17 mil candidatos às 80 vagas oferecidas, deixando a concorrência em 210 por vaga. Ficar nesta posição no ranking do Sisu, para a pró-reitora, é um fato que precisa ser avaliado. “Nós precisamos saber quais são as causas. De fato isso demonstra que a universidade está sendo valorizada por estudantes do país inteiro, mas precisamos de médicos formados no Acre. Então precisamos discutir essas questões”, comentou a Pró reitora, Socorro Neri.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*