Sisu: UFC é a mais procurada do país

A Universidade Federal do Ceará (UFC) é a instituição de ensino que teve o maior número de inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2014, de acordo com balanço divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) nesta terça-feira (7).  Do total de 2.9 milhões de inscrições feitas até às 11h desta terça-feira, 165.399  foram realizadas por alunos procurando a UFC.

A segunda instituição mais procurada no País é a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com 140.186 inscrições. A Universidade Federal do Rio de Janeiro  (UFRJ) aparece em terceiro lugar, com 140.186 solicitações.

A universidade mais concorrida do Brasil é a Federal de Minas Gerais. O índice é calculado baseado na divisão do número de inscrições com o total de vagas ofertadas. A UFMG aparece com concorrência de 39,66, seguido pela UFRJ com 28,33, UFPE com 27,80 e UFC com 25,93.  

Nesta primeira edição de 2014, o sistema oferece 171.401 vagas em 4.723 cursos de 115 instituições públicas de educação superior. O Sisu seleciona estudantes com base nas notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Nesta edição, a inscrição está restrita ao estudante que tenha participado da edição de 2013 do exame. Fica impedido de se inscrever aquele que tenha tirado zero na prova de redação.

Ao longo do período de inscrições, a classificação parcial e a nota de corte dos candidatos serão divulgadas online diariamente para consulta a qualquer hora do dia, na página do Sisu.

Cursos mais procurados no país

O Ministério da Educação também divulgou nesta terça-feira os cursos que tiveram maior número de inscrições. De acordo com levantamento do ministério, Administração teve 192.582 inscrições, enquanto Direito chegou a 191.107 solicitações. Medicina aparece em terceiro lugar na quantidade de inscrições, com 176.876, no entanto, o curso é o mais concorrido até o momento, com 2.925 vagas disponíveis. A relação candidato/vaga é de 60,47. A relação candidato/vaga em direito é de 40,45 e administração é de 31,39.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*