Vereador quer humanizar trânsito da Capital

Preocupado com os altos índices de violência no trânsito de Rio Branco e alinhado com as políticas públicas dos governos Estadual e Municipal voltadas à preservação da vida, o vereador Marcelo Macêdo (PT) está trabalhando um projeto de lei que visa à humanização do sistema de trânsito da capital.

Com vistas à elaboração da proposta, o parlamentar vem se reunindo com representantes dos órgãos envolvidos com a gestão do trânsito em todo o Estado, como Detran e RBTrans, bem como representantes da sociedade civil organizada, para ouvir sugestões que possam reduzir os números de acidentes na cidade e conscientizar a população para a importância de educar motoristas, ciclistas, motociclistas e pedestres.

“O problema do trânsito, não só em nossa cidade, mas em todo o país, é uma questão que demanda resposta não apenas dos governos, mas de toda a sociedade. Daí o objetivo do nosso mandato em promover a discussão de como poderemos enfrentar essa situação”, explica Marcelo Macêdo, a crescentando que seu projeto terá a finalidade de tornar mais humano  o trânsitona capital acreana.

O parlamentar também apresenta como justificativa para sua proposta o elevado crescimento da frota de veículos nas cidades acreanas (principalmente Rio Branco) nos últimos anos, quando o número de autos ultrapassou 100 mil e já chega a quase 200 mil nas rruas e avendias de todo o Estado.

“É um número considerável e que a cada dia que passa aumenta ainda mais. Daí a necessidade de medidas urgentes para que possamos resolver a questão”, enfatizou o vereador. Marcelo Macêdo pretende apresentar a proposta nos próximos dias à Mesa diretora da Câmara Municipal de Rio Branco.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*