MPAC vai investigar denúncia de maus tratos

Vídeo de homem agredindo cachorro gerou revolta

A Promotoria Especializada de Defesa do Meio Ambiente do Ministério Público do Acre (MPAC) divulgou nota nesta quarta-feira (9), a respeito do vídeo do homem agredindo um cachorro que causou revolta nas redes sociais na terça-feira (8).

Em nota a Promotoria informa que vai instaurar procedimento para investigar a denúncia de maus tratos, acrescenta ainda que a legislação prevê prisão de três meses a um ano para quem pratica maus-tratos contra animais, além de multa. Em caso de morte do animal a punição pode ser aumentada de um sexto a um terço.

No vídeo é possível ver o homem bater diversas vezes no cachorro que está na carroceria de uma caminhonete e em determinado momento o homem chega a jogar o animal no chão. Uma internauta fez a denuncia em sua rede social postando vídeo de câmera de seguranças e gerou indignação por parte da população.