Sábado, 08 de Maio de 2021

Rio Branco tem segunda maior inflação entre capitais

Pesquisa foi feita pelo IBGE nos últimos meses de 2020

Alguns produtos sofreram altos reajustes por conta do crescimento da inflação nos últimos meses de 2020, como aponta o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que realiza de forma periódica o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Os principais produtos que sofrerem com o elevado crescimento são: óleo de soja, com aumento de 100,10%; arroz, 67,96%; maçã, 56,48%; tomate, 50,47%. A carne também ganha destaque na inflação, o aumento chegou a 64,32% no quilo do músculo e 55,1% no da costela, por exemplo.

Rio Branco registrou a segunda maior inflação entre as 16 capitais avaliadas. A média registrada foi de 6,12%, acima, inclusive, da média nacional que foi de 4,52%.

Segundo economista Carlos Franco, a alta do dólar causada pela pandemia da dovid-19 e a localização geográfica do Estado, são fatores que colaboram para que Rio Branco registre essa inflação.

“Infelizmente não temos um cenário de curto prazo que mostre uma tendência de queda dessa inflação. Fatores climáticos, valor do dólar e a pandemia, dão uma grande insegurança pro futuro da economia”, conclui Franco.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre



Fique Conectado