Outubro foi o mês com menor índice de mortes por covid-19 no Acre

Foram registradas sete mortes durante o mês em todo o Estado

Segundo um levantamento realizado pelo site Agazeta.net, com base nos boletins divulgados pela Secretária de Estado da Saúde do Acre (Sesacre), o mês de outubro contabilizou 126 novos casos por covid-19 e sete mortes.

O levantamento aponta que em comparação aos demais meses de 2021, outubro foi o segundo mês com o menor índice de contaminação pelo vírus, o mês que teve o menor índice foi setembro.

Outubro também foi o mês com menor número de óbitos por covid-19. Os piores meses foram março, com 12.123 casos de contaminação, e abril, com 267 mortes. Segundo o Boletim Sesacre deste domingo (31), o número de infectados permanece em 88.050, em todo o estado.

Segundo o Portal da Transparência dos Estado do Acre, 931.374 doses foram aplicadas em pessoas com mais de 12 anos. Até o fechamento dessa matéria, o estado do Acre já contabiliza o total de 368.269 pessoas imunizadas.

Bandeiras

A última Nota Informativa acerca da Classificação de Nível de Risco do Pacto Acre Sem Covid, publicada no dia 15 de outubro, trazia que as regiões do:

– Alto Acre, que compreende os municípios de Assis Brasil, Brasileia. Epitaciolândia e Xapuri, avançou no cenário epidemiológico e assistencial, e mudou para bandeira verde, passando com os setores e atividades comerciais e sociais a funcionarem com 80% da capacidade.
– Baixo Acre e Purus, que compreende os municípios de Acrelândia, Bujari, Capixaba, Jordão, Manoel Urbano, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira e Senador Guiomard, regrediu para bandeira amarela, com os setores e atividades comerciais e sociais que passando a funcionar com capacidade de 50% da capacidade de público;
– Juruá/Tarauacá-Envira que compreende os municípios de Cruzeiro do Sul, Feijó, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter, Rodrigues Alves e Tarauacá manteve a bandeira verde, assim continuando com o funcionamento dos setores e atividades comerciais e sociais com lotação de 80% da capacidade de público.

Deixe uma resposta