0710-policia-duplaassassina-cedida

Acusados de matar menino de 13 anos são presos em Cruzeiro

Flagrante ocorreu na saída da Defensoria

A Polícia Civil de Cruzeiro do Sul prendeu dois homens acusados de envolvimento na morte do jovem Anderson de Oliveira Sousa, 13, ocorrida no último domingo, 5, em um tiroteio, na cabeceira da Ponte da União, no bairro do Miritizal.

Arnaldo Nunes de Freitas, 30, e João Marques da Costa, 29, ambos moradores da comunidade, estavam foragidos desde o ocorrido e receberam voz de prisão quando deixavam o prédio da Defensoria Pública de Cruzeiro do Sul.

Segundo o delegado Elton Futigame, os acusados buscavam a ajuda de um defensor público para se entregar na delegacia. Ambos foram presos em flagrante. Uma menor de idade, irmã de um dos envolvidos, também foi indiciada e deve responder pelo crime. “Ela instigou o irmão a praticar o crime, uma vez que a mesma apontou o local exato onde se encontravam as vítimas”, disse o delegado.

De acordo com Futigame, o crime teria sido motivado por vingança, em decorrência de um homicídio praticado no ano passado no bairro da Várzea.
José Marison Freitas da Silva, 30, a segunda vítima, continua internado em estado grave na UTI do Hospital do Juruá.

Deixe uma resposta