1209-policia-fugapousada3

Adolescentes continuam foragidos

Até agora, bando fugitivo não foi recapturado

Seis infratores que fugiram da unidade socioeducativa Aquiry, em Rio Branco, ainda não foram recapturados. Eles utilizaram ‘terezas’, corda feita com lençóis, para escalarem o muro.

No momento da fuga, os adolescentes foram em direção a estrada de Porto Acre. Policiais militares avistaram dois fugitivos, mas eles entram em um matagal e conseguiram escapar.

Para o diretor do centro, Wilkerson Oliveira, a apreensão dos infratores é uma questão de tempo. “Esperamos três dias. Eles sempre voltam para casa. Os familiares já foram comunicados e estão dispostos a ajudar”, afirmou.

A preocupação é com fugitivos que moram no interior. Um é de Plácido de Castro e outro de Brasileia. Oliveira enfatiza que eles acabam conseguindo dinheiro e voltam para o município de origem.

Os adolescentes estão entre os que apresentam maior indisciplina na unidade. Todos são maiores de idade. A principal infração cometida por eles é roubo.

A fuga

Eram por volta de 7h30 da manhã da última sexta-feira, 12, quando 16 adolescentes iniciaram a fuga. Eles renderam agentes socioeducativos e seis conseguiram pular o muro da unidade.

O diretor admitiu falhas na segurança. Um dos motivos que contribuiu foi a super lotação. Há mais de anos, a pousada não registrava fugas.

Deixe uma resposta