260217-policia-mortecrianca-cleriston2

Criança de um ano morre com dois tiros na cabeça

Casa metralhada na Cadeia Velha: polícia vasculhou área

Criança de um ano e quatro meses é morta com dois tiros na cabeça. O tio do menino, Wiliam da Silva Mendonça, 19, ficou ferido na perna. O crime aconteceu na noite de sábado na Rua Progresso, baixa da Cadeia Velha. Cinco homens armados chegaram na casa da família da criança e já foram atirando.

Vizinhos contam que “foram mais de 20 tiros disparados” na porta da frente da casa e também na parede lateral. A casa é de madeira e não impediu que as balas atingissem Tayson Júnior Holanda da Silva, de apenas 1 ano que dormia em uma rede em um dos cômodos.

O garoto ainda chegou a ser socorrido por uma equipe do Samu, mas não resistiu aos ferimentos. Morreu dentro da ambulância.
Na hora dentro da casa aviam seis pessoas: três adultos e três crianças da mesma família.

Wiliam da Silva Mendonça, 19, é tio da criança. Foi atingido na perna e levado para o Pronto Socorro do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco. A ação criminosa tinha como alvo justamente o jovem Wiliam Mendonça.

A polícia foi acionada. Agentes do 1º Batalhão agiram rápido e conseguiram prender um dos acusados: Talison de Sousa Teixeira, 18 anos. Ele é mais conhecido como “Soldado do Bonde”.

O acusado foi preso ainda nas proximidades da casa das vítimas no bairro Cadeia Velha. Segundo a polícia, com ele foi encontrada uma mochila. Quando os policias foram ver o que teria dentro encontraram uma pistola Ponto 40, uma escopeta calibre 20, e um revolve calibre 38, com várias munições. O acusado foi preso e levado para a delegacia Central de Flagrantes.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*