160717-policia-jovemassassinadoportoacre-cedida

Crime brutal registrado na zona rural de Porto Acre

Cabeça de Alan não foi encontrada pelos policiais

Alan Nunes da Silva, 28, foi morto na noite de sábado (15) na zona rural do município de Porto Acre. O crime aconteceu no ramal Pira Pora. Com requinte de crueldade, a vítima teve o corpo mutilado a golpes de foice e terçado.

Segundo a esposa da vítima, tudo teria acontecido depois de uma briga entre vizinhos. Segundo ela, um homem conhecido como “Cleudo” teria brigado com o enteado dela. Logo em seguida, o enteado teria ido até a casa de Alan Nunes.

Ele pediu ajuda a Alan. Junto com o enteado, foram então até a casa do “Cleudo”. Ao chega ao local, houve nova briga. Então, Alan teria desferido um tiro que teria acertado o peito de “Cleudo”.

Em seguida, Alan que estava e amigos saíram do local. Foi quando o filho do “Cleudo”, conhecido como “Cleilson”, teria, junto com outras pessoas, ido atrás de Alan e dos outros dois.

Quando eles se encontraram, houve nova briga. O amigo e o enteado teriam sido esfaqueados. Mas quem teria levado a pior foi Alan que foi morto de forma brutal.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*