Empresário do Acre morre atingido por carros praticando racha

Acidente aconteceu no fim da noite de quinta-feira em Santa Catarina

Foi em meio a uma ronda na avenida Beira-Mar Norte, em Florianópolis, na noite desta quinta-feira (19), próximo à 0h, que a guarnição da Guarda Municipal de Florianópolis (GMF) registrou um grave acidente envolvendo dois veículos, um Honda Civi e um Honda WR-V.

De acordo com o subcomandante da GMF, Ricardo Pastrana, o Honda Civic e mais dois outros veículos, ainda não identificados, estavam participando de um “racha” na pista quando este primeiro automóvel colidiu contra a traseira do Honda WR-V, que estava parado no semáforo.

No veículo atingido estavam uma mulher na direção e um homem no banco ao lado, que ficaram gravemente feridos. O Corpo de Bombeiros e o Samu foram acionados para prestar o atendimento de ambos. Entretanto, o passageiro não resistiu aos ferimentos e morreu logo após o acidente.

Já o motorista responsável pela batida não se feriu e foi conduzido peça GMF e pela Polícia Militar à Delegacia de Polícia da Capital. Ele foi detido por homicídio doloso consumado, e também por participar de racha e causar lesão corporal grave.

A vítima era Maurício Lisboa, de 72 anos, empresário no Acre e fundador do antigo hotel Imperador Galvez, em Rio Branco. A mulher que estava dirigindo o carro que foi atingido enquanto estava parado no semáforo está em estado de saúde considerado grave.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*