230217-policia-garotomorto-cedida

Morte de jovem eletrocutado expõe ingerência

Falta de manutenção do espaço possibilitou acidente

Um jovem de 18 anos morreu depois de encostar em fios desencapados, em quadra de esportes de Rio Branco. A tragédia deixou os amigos da vítima abalados e ao mesmo tempo indignados com a negligência.

A tragédia que vitimou Rogério Farias da Fonseca, de 16 anos, abalou a comunidade do bairro Santa Inês. No velório, familiares, amigos e vizinhos buscavam consolo, ao mesmo tempo que falava alto, o sentimento de revolta.

“O policial chegou lá e falou assim: desta vez vão isolar. Significa que poderia ter sido feito antes, e se acontecesse com uma criança. Quando nós estávamos jogando tinha uma menina de 9 anos lá. E se ela se senta e pega um choque no nosso lugar?”, questiona um dos amigos da vítima, Samuel de Lima.

Rogério morreu após receber uma descarga elétrica em fios desencapados que estavam na quadra coberta da praça da juventude, no bairro Cidade Nova, em Rio Branco.
Segundo informações de amigos da vítima, a vítima saiu da quadra para descansar em um banco de concreto. Ele não percebeu que os fios estavam soltos e se encostou.

A vítima ainda teve tempo de pedir socorro, de dizer que estava levando um choque. “Ele pediu socorro. Falou ‘levei um choque, socorro!’ Aí, caiu no chão duro”, relata Jaison Ruan, uma das testemunhas.

O acidente aconteceu na noite de quarta-feira, e na manhã do dia seguinte, os fios foram isolados. O local é gerenciado pela Secretaria municipal de esportes, que inclusive tem uma equipe de estagiários e servidores dentro da praça, ao lado da quadra.

“A equipe não nos repassou, não identificou que tinha essa fiação exposta. Nós tão logo tomamos conhecimento após o ocorrido nos deslocamos até o local, pra tomar as providências”, disse a secretária da juventude, Temylis Silva.

Ainda de acordo com a secretária a praça passou por manutenção há menos de dois meses. A rotina de reparos, segundo ela, acontece nesse intervalo de tempo, para corrigir depredações.

Avisada por um morador, nossa equipe também identificou ao lado da quadra, mais fios soltos. No local, segundo a secretaria havia luminárias, que foram roubadas. No entanto, a fiação, ainda está exposta. A secretaria garantiu que a corrente elétrica foi cortada nesse local.

Para os amigos de Rogério, ficou a saudade. O jovem estudioso e sonhador queria concluir um curso de mecânica em equipamentos industriais. Os planos, vão ficar na lembrança do melhor amigo, Jaison Ruan.

“O sonho dele era nós viajarmos, trabalhar junto, terminar o nosso curso que começamos no Senai. Tinha vários sonhos de ir morar com a namorada dele que ele amava muito. Nós só andávamos juntos, nós quatro. Agora, vai faltar um. Era como um irmão pra mim”, lamenta o jovem.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*