thumb transitoassalto

Transtornos no trânsito durante assalto

Quem saiu para o almoço, perdeu o intervalo dentro do carro

O assalto ocorrido no final da manhã desta quinta-feira, 10, em uma casa lotérica, ocasionou um longo engarrafamento pelas principais ruas do centro de Rio Branco. Sem informações do que acontecia, motoristas reclamavam dos transtornos.

Quem estava no trânsito do centro, por volta das 11 da manhã, não teve tempo de desviar do engarrafamento que se formou rapidamente, devido o isolamento da área onde ocorria um assalto à lotérica. Em pleno horário de pico, as principais vias ficaram tomadas pelos veículos. Sem saber o que estava acontecendo, os motoristas reclamavam. “Em dias comuns já é um caos, qualquer eventualidade que aconteça, a gente fica nessa situação”, disse o chaveiro Cláudio Teles.

O caminhoneiro Nilson Bezerra teve dificuldade em manobrar fora da rota. “Tive que desviar por que meu trajeto está isolado, tenho que pegar a Getúlio Vargas e não sei como vai ser agora”, explicou.

Nossa reportagem passava pela rua Marechal Deodoro, quando iniciou o engarrafamento. O trânsito só fluiu para o nosso destino uma hora depois. Quem saiu para o almoço, perdeu o intervalo dentro do carro. “Nessas horas é manter a paciência, não tem outra coisa a fazer”, opina o motorista Milton Rodrigues.

Deixe uma resposta