thumb radiografica-celular

Mulher é presa ao tentar entrar com celular no presídio

Acusada transportava aparelho em suas partes íntimas

Uma mulher que não teve o nome revelado foi presa na tarde do último domingo (02), quando tentava entrar na Unidade Penitenciária Evaristo de Morais, em Sena Madureira, transportando um aparelho celular em suas partes íntimas.

O plano da visitante não foi concluído porque os agentes contaram o auxílio do detector de metal instalado no portão de acesso aos pavilhões. “Quando a acusada passou pelo detectar de metal o aparelho detectou presença de metal na altura da cintura da mesma. A visitante argumentou que não estava portando nenhum material metálico. Porém, eu falei pra a mesma que ela só entraria na Unidade caso se submetesse a um exame de raio-x, tendo a mesma concordado”, indagou um agente penitenciário que estava de serviço.

A acusada foi conduzida ao Hospital João Câncio Fernandes, acompanhada de uma agente penitenciária e ficou constatado através do exame de raio-x que a mesma transportava em suas partes íntimas um celular.

Diante dos fatos a visitante foi presa em flagrante e conduzida à delegacia de polícia.

Segundo informações, a pessoa que receberia o celular está presa por tráfico de drogas é tido como preso de alta periculosidade.

A Polícia Civil investiga o caso.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*