2609-policia-assassinato-cleriston2

Mulher reage a três anos de agressão e mata ex-marido

Ana era agredida pelo marido com quem se juntou aos 15 anos

Reginaldo Tavares de Morais, 32, foi vítima de homicídio na noite desta quinta-feira 25/09. O crime aconteceu na Travessa Cristã, no Bairro Vitória, na casa da vítima. Morais levou uma furada em cima do peito e veio a morrer na hora, uma viatura do Samu ainda esteve no local mais a vítima já estava sem vida.

Segundo informações repassadas pela polícia, quem efetuou a facada na vítima seria a ex-mulher de nome Ana Karine Fonseca Viana, 18. Ela foi presa logo em seguida, por policias militares, quando tentava fugir da polícia. Foi conduzida à Central de Flagrantes.

Segundo a versão da ex-mulher, ela estava separada há quatro meses da vítima, e por volta das 10 horas da manhã desta quinta-feira, ela teria ido até a casa do ex-marido para pegar um dinheiro para a filha que ela tem com a vítima.

Ao chegar na casa, percebeu que Morais estava bebendo. Então ela também teria ficado na casa junto com ele. No final da tarde, segundo ela, teria dito para o ex-marido que já ia embora com a sua filha.

Foi quando os dois começaram uma discussão. Segundo ela, o ex-marido a teria trancado no quarto junto com ele e começaram a discutir. Ela teria conseguido sair do quarto e foi em direção a cozinha e o mesmo foi atrás dela e começou a agredi-la
Então ela teria pegado uma faca para se defender. Foi quando a mesma o golpeou atingindo no peito. Segundo Ana, ela viveu durante 3 anos com o ex-marido e ele o agredia muito e, por isso, teria se separado.

Ela chegou até a registrar queixa contra Morais na delegacia. A mulher que não quis mostrar o rosto apresentou as marcas em seu corpo que, segundo ela, teria sido na hora da briga com a vítima.

Deixe uma resposta