121217-policia-paniconamaternidade-cleriston2

Noite de pânico na Maternidade Bárbara Heliodora

Tiros destruíram porta de vidro: arma de vigilante roubada

Por volta das 21 horas da noite desta terça-feira (12), dois homens em uma moto chegaram na Maternidade Bárbara Heliodora pelo local onde as ambulâncias e pacientes param os carros para entrar no prédio. A dupla queria roubar a arma do vigilante do local.

Os dois homens estacionaram a moto e já foram atirando na porta da recepção. Dois tiros pegaram no teto da recepção e o outro acertou a parede que dá acesso às enfermarias. A dupla rendeu o vigilante e roubou a arma.

O pânico foi geral. Muitas mulheres grávidas se jogaram no chão na tentativa de escapar das balas. Parentes de pessoas internadas na maternidade que esperavam na recepção correram do local para se esconder.

Uma criança de cinco anos acabou sendo ferida (sem gravidade no braço) com os estilhaços da porta de vidro completamente destruída com os tiros dos dois ladrões. A moto em que a dupla chegou à maternidade era roubada e foi deixada no local do crime porque os dois fugiram pulando o muro que dá acesso ao Hospital Infantil.

A polícia foi acionada e chegou rápido ao local. Várias viaturas do Bope e da Polícia Militar estiveram no local. Buscas foram feitas, mas nenhum suspeito foi preso. A criança ferida foi atendida por uma equipe do Samu.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*