100717-policia-balancooperacoes-cedida

Polícia Civil divulga balanço das prisões realizadas na Capital

Em seis meses, 336 prisões foram realizadas

Em balanço geral das ações, o Núcleo Especializado de Capturas da Polícia Civil (Necapc) realizou diversas incursões no intuito de dar cumprimento aos mandados de prisão expedidos pela Justiça do Estado e demais unidades da Federação.

Nos seis primeiros meses deste ano foram contabilizados 336 prisões em crimes que variam entre homicídios, estupro, roubo, assalto e tráfico de droga. Uma média de duas pessoas presas por dia em Rio Branco.

Criado a partir do Decreto Governamental de Nº 5.959, datado de 30 de dezembro de 2010, o Necapc desenvolve trabalho estratégico de suas atividades, em integração com os demais órgãos de segurança pública do Estado.

“Estamos tirando de circulação pessoas em débito com a justiça. O núcleo de capturas recebe as demandas judiciais e as equipes, por meio de um trabalho de investigação, saem em campo para cumprir os mandados”, disse o delegado-coordenador da equipe, Karlesso Nespoli.

Para o secretário de Estado de Segurança, Emylson Farias, as prisões são pontuais e realizadas de forma integrada. “Esse é o caminhar, esse é o trabalho integrado seguindo um planejamento estratégico da Secretaria de Segurança no combate à criminalidade. O núcleo de capturas desenvolve suas ações em conjunto com os demais órgãos de segurança, tornando o trabalho menos oneroso e mais célere”, finalizou.

Durante as incursões para o cumprimento dos mandados as investigações subsidiam outros inquéritos que os tornam ricos em detalhes e informações que proporcionam maior celeridade na conclusão dos processos.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*