Banner BrigaPresidio

Polícia identifica oito “lutadores” do UFC Presídio

Direção promete mais investimentos para proibir entrada de aparelhos eletrônicos

O vídeo com pouco mais de um minuto e meio de duração aponta falhas no sistema prisional acriano. Além da ousadia dos próprios detentos, fica evidente a entrada de equipamentos não permitidos dentro da maior penitenciária do Estado.

O Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) anunciou investimentos para evitar a entrada de equipamentos eletrônicos. Mas, enquanto os investimentos não são aplicados, fotos e vídeos postados a partir da unidade prisional são cada vez mais comuns.

Nas imagens divulgadas nesta semana, dois reeducandos se agridem. Um deles chega a ser ‘nocauteado’ e vai ao chão. Mesmo assim, a violência não para. É preciso que outras pessoas interfiram. O homem parece ter desmaiado por causa da agressão.

Segundo investigações da Polícia Civil, oito pessoas que, de alguma forma, participaram da luta já estão identificadas e vão responder pelo crime de agressão.

“A partir do exame de corpo de delito é que vamos determinar se a lesão corporal foi grave ou não”, desatacou Emylson Farias, secretário de Estado de Polícia Civil.

No aspecto administrativo, o Iapen já abriu sindicância para descobrir como o aparelho celular entrou no presídio e também o autor das imagens.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*