thumb Acusadomatar-empresario

Preso um dos acusados de participar da morte de empresário

Getúlio Dantas foi assassinado no último dia 6, no D. Industrial

Erik de Lima Almeida, 22, foi preso pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira, 17, no bairro Mocinha Magalhês. Ele é acusado de, no dia 6 de junho deste ano, ter participado do assassinato do empresário Getúlio Dantas, 60, em uma fábrica de pré-moldados, bairro Distrito Industrial, em Rio Branco.

Por meio de um mandado de prisão, Erik, apontado pela polícia como o homem que deu fuga aos atiradores, foi capturado nas primeiras horas da manhã desta terça e encaminhado à delegacia, de onde será levado ao presídio da Capital.

Relembre o caso

Getúlio e o irmão, Jeová Dantas Queiroga, que também foi baleado duas vezes no rosto, estavam na fábrica, da qual são sócios, quando dois homens chegaram numa moto atiraram. Primeiro acertaram Jeová, que estava almoçando, e, em seguida, atiraram contra Getúlio, que não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital.

Deixe uma resposta