160318-policia-caso-professor-baleado

Polícia tem dois suspeitos de atirarem em professor

Antônio foi atingido na cabeça e permanece internado na UTI

O professor de história Antônio Carlos de Sousa, de 32 anos, continua internado na UTI do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco. Ele apresenta um quadro estável e os sedativos já foram retirados.

O professor foi baleado na cabeça, na sexta-feira passada, após sair do trabalho no Cidade do Povo. Ele foi encontrado caído ás margens da Via Verde, bem próximo da terceira ponte.

A polícia ainda investiga o caso e trabalha com duas hipóteses, latrocínio ou tentativa de homicídio. Ninguém foi preso até o momento.

“Nós já conversamos com familiares pra colher as primeiras informações, nossos policiais já conseguiram imagens de câmeras de segurança da provável motocicleta e da dupla que teria praticado esse crime e nós estamos tentando colher mais informações. Acredito que em breve teremos o resultado positivo das investigações e conseguiremos prende os envolvidos,” disse o delegado que comanda as investigações sobre o caso, Sérgio Lopes.

Apesar dos criminosos não terem conseguido levar nenhum pertence da vítima, a hipótese de uma tentativa de assalto ainda não foi descartada.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*