060519-politica-jovemparlamentar

Aleac lança 2ª Edição do programa Jovem Parlamentar

24 escolas participam desse programa

Durante sessão realizada na manhã desta segunda-feira (06) na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) aconteceu o lançamento das atividades da 2ª edição do programa Jovem Parlamentar Acreano. A proposta é oferecer aos estudantes do ensino médio a oportunidade de conhecer de perto a rotina, as responsabilidades e os desafios da vida política.

“É um projeto de resolução de suma importância da Aleac aonde nós podemos trazer a nossa juventude, os nossos estudantes para o convívio da Assembleia Legislativa para que eles percebam desde cedo como é o funcionamento da Aleac e como funciona a política no Estado do Acre”, disse o deputado estadual (MDB), Roberto Duarte.

O programa foi criado em 2018 e é fruto de uma parceria firmada entre Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Assembleia Legislativa do Acre e Secretaria estadual de Educação (SEE-AC), e cada um tem uma parcela de colaboração nas atividades.

“A nossa parceria é bastante importante, não só levar a mecânica da urna eletrônica, mas nós estamos com o programa Leitor do Futuro onde estamos engajando todos os jovens da sociedade para serem conscientizados da importância da formação cidadã do adolescente”, ressaltou a presidente do TRE, Regina Ferrari.

“É interessante como a gente visualiza que eles se percebem inseridos dentro daquele ambiente escolar, quais são as melhorias que seriam urgentes, imediatas que poderiam estar proporcionando melhor convivência para o ambiente escolar, sem contar os alunos que fazem uma reflexão maior, para uma temática social”, declarou a diretora de ensino/ SEE-AC, Denise Santos.

Na prática, 24 escolas participam do programa. Por meio de votação direta, cada uma delas elege um jovem parlamentar.

Kalline Montovanele participou da primeira edição, foi candidata na escola e venceu. Depois, já eleita, decidiu que queria ser a presidente da mesa diretora, trabalhou duro uma campanha e conseguiu. Hoje, ela incentivou os novos estudantes a, também, aceitarem esse desafio. “A primeira dica é ser bem articulados, caso vocês queiram ser jovem parlamentar e depois conquistar a mesa diretora”.

Entre os muitos alunos candidatos que buscam essas conquistas, está a estudante Josiele Carvalho. Ela cursa o 3º ano do ensino médio e acredita que essa é uma oportunidade única para aprender e entender melhor a importância da política na vida de todos nós.

“Assim como o Alexandre ano passado passou uma inspiração para que novas pessoas possam participar, eu também posso inspirar pessoas, para que assim que eu saia, outras pessoas possam se candidatar e dar continuidade a essa jornada”, conclui a estudante, Josiele Carvalho.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*