2208-politica-gladson

Cameli classifica nota de prefeito como “ataque eleitoreiro”

Candidato produz nota para “repor a verdade”

O candidato ao Senado pela coligação Aliança por um Acre Melhor, Gladson Cameli, classificou a nota do prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, como um “ataque eleitoreiro” e disse lamentar que o prefeito “deixe seus afazeres para ceder às pressões políticas do grupo ao qual pertence.

A nota pontua dois aspectos sobre a questão da liberação de R$ 30 milhões em emendas para Rio Branco: reforça o caráter republicano do mandato (“beneficiou municípios através de indicações sem diferenciar por partidos políticos”) e destaca a relação cordial com o prefeito da Capital (“sempre manteve cordial e produtiva parceria, como em diversas oportunidades o próprio prefeito fez questão de exaltar”).

A nota traz ainda uma série de recortes e citações que foram divulgadas pela imprensa regional informando sobre a liberação dos recursos para Rio Branco. Com destaque para um trecho que foi publicado no site da própria prefeitura no dia 21 de novembro do ano passado.

“Na tarde desta quarta-feira, 20, ele [Marcus Alexandre] esteve no gabinete do deputado federal Gladson Cameli, onde pediu apoio para a liberação dos R$ 30 milhões do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2), do ministério das Cidades, para a Capital. O prefeito reconheceu e agradeceu o empenho do deputado em apresentar emendas que têm beneficiado a Capital”.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*