110417-politica-br364areaurbana-tvgazeta2

Dnit frustra tentativa do Governo de pavimentar BR na Capital

Trecho do Belo Jardim ao aeroporto continua com Dnit

A direção do Dnit em Brasília disse “não” às pretensões do governador Tião Viana de fazer as obras de recuperação da parte urbana da BR-364 em Rio Branco.

Há duas semanas, Viana foi pessoalmente à Brasília pedir autorização para começar de imediato os serviços, que se estenderiam por 26 quilômetros começando no Belo Jardim até a entrada do aeroporto internacional.

A direção do Dnit em Brasília denegou o pedido e justificou que a superintendência da autarquia em Rio Branco é a responsável pela obra.

Para a assessoria do governo, quem ficou no prejuízo foram os moradores da Capital que não param de reclamar dos buracos nessa parte da rodovia. Segundo o porta voz do Governo do Acre, Leonildo Rosas, o Estado começaria de imediato as obras.

“É uma pena que o Dnit tenha tomado essa decisão que vai prejudicar as pessoas que precisam trafegar pela BR. Eu espero que eles façam a recuperação o mais rápido possível”, reclamou.

O superintendente do Dnit no Acre, Thiago Caetano, informou que não precisa o estado fazer os serviços de recuperação. Uma nova licitação está sendo realizada, e, em maio, as máquinas vão estar trabalhando na parte urbana da BR.

“Tivemos um atraso por causa do escritório em Rondônia. Agora, como somos superintendência. Vamos agilizar a licitação e começaremos o mais rápido possível os serviços”, declarou.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*