Eleições: no Acre, três prefeitos buscam por vaga no Legislativo

Eles devem estar fora do cargo no dia 01 de abril, para assim poder concorrer

Nesse ano de 2022 terá eleição para Presidente da República, Governador, Senador, Deputado Federal, Deputado Estadual. Dessa forma, no Acre, os prefeitos Isaac Pianko, de Marechal Thaumaturgo, o Tanísio Sá de Manoel Urbano, e o Mazinho Serafim de Sena Madureira, buscam por uma vaga no Legislativo e devem estar fora do cargo no dia 01 de abril.

É importante relembrar que os chefes do Executivo devem renunciar a seus mandatos até seis meses antes da eleição de 2022, para concorrerem a outros cargos.

Os três estão no segundo mandato consecutivo, e não podem mais concorrer a uma nova reeleição e por isso vão tentar outros caminhos da política. Mazinho que já foi deputado estadual antes de ser prefeito, no atual momento busca uma vaga na Câmara Federal.

“Eu já estou com cinco anos como prefeito estou cansado de enxugar gelo e a gente precisa de recurso pra trabalhar. Eu só vejo uma saída, principalmente pra nossa cidade de Sena de Madureira, que tem muitas dívidas, e não tem dinheiro. Temos pouco apoio do governo do estado, Sena Madureira já é uma cidade de cinquenta mil habitantes. O prestígio tem três implantes de malhas e a mais precisa de muita ajuda.”, explica o prefeito de Sena Madureira.

Secretários Municipais e Estaduais que desejam lutar por uma das vagas do Legislativo ou no governo, também precisam se desincompatibilizar em seis meses. A mesma regra para reitor de universidade pública, dirigente de autarquia, fundação, empresa pública ou órgão estadual, autoridade policial, magistrado, militar e servidor público efetivo ou comissionado.

Todo devem sair com seis meses de antecedência, no caso dos servidores concursados, eles ficam afastados durante o período, e  recebem o salário normalmente e, caso não se eleja, podem retornar ao cargo. Dirigentes de entidades de classe como Sindicatos, devem se desligar quatro meses antes.

Com informações de Adailson Oliveira para TV Gazeta

Deixe uma resposta