“Em Rio Branco, passe livre é inviável”, diz Marcus Alexandre

Prefeito anuncia que só no Belo Jardim, 106 ruas vão ser beneficiadas com o Ruasdo Povo

Na última terça-feira, 2,  o prefeito Marcus Alexandre participou do programa “Gazeta Entrevista”. Em três blocos, ele respondeu às perguntas dos internautas e fez um balanço dos seis meses de gestão.

A recuperação e pavimentação das vias urbanas foi um dos assuntos mais questionados pelos telespectadores do programa. “A parceria do governo e prefeitura continua com o ‘Ruas do Povo’. Só no Belo Jardim, 106 ruas vão ser beneficiadas’’, afirmou.

Marcus Alexandre também anunciou obras de duplicação em vários pontos da cidade. “Vamos duplicar parte da estrada da Sobral, Floresta, Jarbas Passarinho e Getúlio Vargas”, disse o prefeito.

Na semana passada, Marcus Alexandre apresentou o projeto para construção do Shopping Popular, no centro Rio Branco. O investimento na obra é de R$ 30milhões. Durante a entrevista, ele revelou detalhes para os telespectadores da TV Gazeta.

“450 comerciantes vão ser beneficiados com o Shopping Popular. Vamos capacitar todos eles e o Sebrae já iniciou os estudos para definir a melhor posição de cada loja”, relata.

Nem mesmo o caso Telexfree foi esquecido pelos internautas. Marcus Alexandre disse que não é contra o negócio, mas pediu cautela dos divulgadores que estão indo as ruas protestar.

“O que não pode é atrapalhar o direito de ir e vir. Fechar as pontes pode colocar em risco a vida de pessoas que necessitem do socorro de uma ambulância”,ressalta.

Questionado sobre uma possível candidatura ao governo em 2014, Marcus respondeu que jamais pensou nessa possibilidade. O objetivo é cumprir as propostas apresentado durante a campanha eleitoral e terminar o mandato.

O prefeito também comentou sobre as manifestações populares em todo o país. Em várias cidades, uma das principais reivindicações é a redução no preço da passagem de ônibus e também o passe livre para estudantes. Marcus Alexandre lembrou que há mais de 2 anos a tarifa do transporte público é a mesma na capital acreana. Já em relação ao passe livre, ele foi enfático.

“Atualmente é inviável a prefeitura adotar o passe livre. Se isso acontecer, alguém vai ter que pagar a conta e isso é injusto com a maioria da população’’, concluiu.

{youtube}_DDXdIXf4R8{/youtube}

{youtube}Pu7sABlxx7s{/youtube}

{youtube}vD1YhhA-WQw{/youtube}

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*