Banner-julgamentotre

Erros primários mostram qualidade de candidatos

Julgamentos devem ser concluídos nesta terça

O Tribunal Regional Eleitoral recebeu 631 pedidos de candidaturas este ano. Número 38% maior se comparado as eleições de 2010. O TRE/AC tem até hoje para julgar os processos. Até o momento, 26 candidatos tiveram os registros indeferidos.

A falta de documentação é o principal motivo das irregularidades. Porém, existem aqueles mais desatentos. Em alguns casos, o candidato sequer era filiado a um partido político ou possuía idade mínima para assumir o cargo.

Erros considerados primários para quem deseja disputar cargos eletivos. E esse número pode aumentar. Oito processos faltam ser analisados pela Corte Eleitoral.

“Esse candidato tem três dias para entrar com recurso junto ao Tribunal Superior Eleitoral para que ele possa continuar no pleito. Se ele não entra com esse recurso, acontece o trânsito em julgado, não cabe mais recurso, e ele deixa de ser candidato nas eleições”, destacou Carlos Venícius, diretor-geral do TRE/AC.

O que chama atenção são as mulheres que tiveram os pedidos negados. Ao todo, 12 indeferimentos. Por lei, cada coligação deve manter, pelo menos, 30% dos candidatos de um dos sexos. “O partido não vai poder apresentar candidato de outro sexo. Essas vagas têm que ser reservadas”, comentou Venícius.

Deixe uma resposta