070217-politica-flaviano-parabeniza-mulheres

Flaviano Melo parabeniza as mulheres por seu dia

Deputado fala sobre importância da mulher na sociedade

“A brasileira sempre foi exemplo de força e determinação”, disse o deputado Flaviano Melo(PMDB), ao celebrar o Dia Internacional da Mulher. O deputado ressaltou que, hoje no Brasil, a mulher é maioria da população(51,45%), possui maior expectativa de vida (79 anos contra 72 dos homens), é maioria no meio universitário e responsável pelo sustento de cerca de 40% das famílias. “Ao longo da história brasileira, a mulher consagrou conquistas sem abdicar da família e de sua própria feminilidade”.

Segundo Flaviano, o 8 de março é um marco na luta pelo direito das mulheres ao redor do mundo e particularmente no Brasil. Ele citou conquistas femininas essenciais como o direito ao voto ( Código Eleitoral de 32) e a igualdade de direitos entre homens e mulheres perante a lei (Constituição de 88). Outro divisor de águas da causa feminina, segundo o parlamentar, foi a aprovação da Lei Maria da Penha, considerada pela ONU como uma das três melhores legislações do mundo em defesa da mulher.

Já o Governo Federal, de acordo com Melo, reafirmou seu compromisso com a mulher através da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres (SPM/MDH), que tem dentre suas atribuições promover políticas públicas que visam eliminar a discriminação contra a mulher e assegurar sua participação nas atividades políticas, econômicas e culturais do pais.

Acre

Flaviano acrescentou ainda que a mulher sempre teve um papel marcante na vida acreana, seja na educação, na Magistratura, no Legislativo e Executivo. E lembrou que o PMDB acreano teve mulheres pioneiras que serviram de exemplo a todo o país, dentre elas Laélia Alcântara (a primeira senadora negra) e Iolanda Lima (a primeira governadora do país). “Hoje o partido conta, em suas fileiras, com muitas mulheres de garra, como a deputada federal Jessica Sales e a deputada estadual Eliane Sinhasique”.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*