260315-cotidiano-sesacrecrianca-tvgazeta

Governador decreta situação de calamidade pública na saúde

Sesacre apontou déficit no número de profissionais

O governo do estado divulgou na edição do Diário Oficial desta sexta-feira (15) situação de calamidade pública no serviço estadual de saúde.

De acordo com o documento, a situação se deve pela insuficiência de profissionais da saúde.

Segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde, 658 servidores foram aposentados e 1.769 foram exonerados do quadro de servidores da saúde do estado no período de 2015 a 2018.

Além disso houve a abertura de 12 unidades/setores de saúde no Estado após os concursos públicos de 2013/2014, “fato que aumentou consideravelmente a demanda por servidores em relação ao inicialmente planejado”.

O documento autoriza a Sesacre a adotar as medidas necessárias para a contratação de pessoal por tempo determinado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*