16-04-20 dinheiro

Governador sanciona lei que suspende cobrança de consignados

Medida deve injetar recursos na economia local

O governador Gladson Cameli assinou no início da noite desta quarta-feira (15), a sanção da lei que suspende a cobrança de empréstimos consignados, aos servidores públicos do Acre, junto aos bancos.

A medida é mais uma ação no enfrentamento a doença, com a injeção de recursos na economia, e havia sido aprovada pelos parlamentos no último dia 2, com 17 votos favoráveis. O projeto é de autoria do deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB).

“Essa foi uma conquista dos nossos servidores públicos, muitos deles na linha de frente no combate à COVID-19. É dinheiro que será injetado na nossa economia. Dinheiro que vai chegar ao pequeno comerciante. Esse dinheiro é necessário ao nosso povo”, disse o deputado.

Com isso, fica suspensa a cobrança das parcelas por três meses, podendo ser prorrogado o prazo enquanto durar a pandemia causada pelo novo coronavírus. A sanção foi discutida com os gestores da Casa Civil, Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e Procuradoria-Geral do Estado (PGE).

A Seplag será responsável pela orientação sobre os procedimentos adotados, e intermediar o diálogo dos servidores públicos interessados com as instituições bancárias.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*