Banner-compexodepisciculturaunienergia

Lula e Evo podem inaugurar frigorífico em agosto

Ex-presidente Lula “percorre o país” mostrando o que Dilma fez

O Governo do Acre articula as agendas do ex-presidente Lula e do presidente da Bolívia, Evo Morales, para a inauguração do frigorífico no Complexo de Piscicultura. A data inicial pré-agendada era dia 20 de agosto. O frigorífico é a terceira e última parte do empreendimento.

Mas, internamente, no governo, ainda há indefinições. Tanto quanto às agendas quanto às obras. A presença de Lula atende a uma lógica evidentemente eleitoral. Não em seu nome, mas em nome de sua colega, a candidata à reeleição Dilma Rousseff.

É do próprio Lula a ideia de “percorrer o país” mostrando o que o Governo Dilma fez. O Complexo de Piscicultura tem a assinatura de Tião Viana. Aliás, é um dos poucos empreendimentos que traz a sua digital integralmente. Mas, no discurso do ex-presidente está o que ele chama de “convencimento político” das obras. É nesse momento que a relação com a candidata à reeleição se efetiva.

O projeto, conduzido pelo secretário de Estado de Desenvolvimento, Edvaldo Magalhães, chamou atenção dos técnicos de Brasília por conter, em seu desenho societário, a participação dos pequenos produtores de peixes por meio de uma Central de Cooperativas. E isso chamou a atenção não só de Brasiília.
Evo Morales representa a tendência da Bolívia em investir no segmento. Já houve missões de empresários bolivianos que vieram ao Acre exclusivamente para conhecer o Complexo.
Pelo que falaram, a impressão foi boa.
Empresários acrianos (e de fora do Acre) investiram no projeto; fundo de investimento também; Governo do Estado, Governo Federal; pequenos produtores. Do ponto de vista empresarial e técnico, os diversos interesses, reunidos na empresa Peixes da Amazônia S.A, estão em jogo.

Os interesses políticos aliados ao empreendimento não são desprezíveis e influenciam todo o processo. Lula conhece o projeto de manejo de águas para produção de alimento. Já participou, inclusive, da inauguração do Centro de Produção de Alevinos. Resta saber quando efetivamente sairá o primeiro carregamento de peixe rumo ao Pacífico.

Deixe uma resposta