thumb longuini

Mais da metade dos eleitores compareceram aos postos do TRE

Desembargador Adair Longuini garante que novo modelo é mais seguro

“Temos uma batalha pela frente”, foi com esta frase que o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Acre, Adair Longuini, se referiu aos pouco mais de 70 dias úteis para o fim do prazo do cadastramento biométrico.

Segundo Longuini, 52% do eleitorado da capital acreana já compareceram aos postos do TRE. Ao todo são oito. Três fixos e cinco itinerantes. Para a próxima eleição funcionar com o sistema de identificação por meio das impressões digitais é necessário que, pelo menos, 80% da população estejam cadastradas.

O presidente destacou que o novo modelo é mais seguro, pois melhora identificação de cada eleitor e evita fraudes. No Acre, além de Bujari e Assis Brasil, Rio Branco pode ser a terceira cidade a implantar o sistema de biometria.

Quem não comparecer aos postos vai ter o título cancelado e uma série de dificuldades. Como ficar fora de concursos públicos e ainda perder benefícios sociais, como o ‘Bolsa Família’. Sobre o tempo de espera, a secretária de tecnologia do Tribunal, Rosana Magalhães, disse que “ninguém passa mais de uma hora na fila.”

As declarações foram dadas ao jornalista Alan Rick durante participação no ‘Gazeta Entrevista’, da TV Gazeta, na noite da última quarta-feira, 6.

Deixe uma resposta