thumb militares

Militares se preparam para negociar salário com governo

PMs têm pelo menos 14 pautas para discutir com Executivo

A Associação dos Militares do Acre (AME) deve se reunir na próxima quinta-feira com a equipe de governo para discutir 14 pautas reivindicatórias. Segundo o presidente da entidade, Isaque Ximenes, em quatro itens, os militares não estão dispostos a abrir mão.

A primeira é o reajuste salarial, depois vem a reestruturação do quadro, definição da carga horária e o aumento do efetivo.

Na manhã desta sexta-feira, 28, a associação realizou uma assembleia, mas, era apenas uma prestação de contas. A AME passou por vários problemas, principalmente por ingerência. Acumulou uma divida de R$ 200 mil. O informou que conseguiu negociar os débitos e recuperar a credibilidade da associação.

Se o governo do Estado não acenar com uma negociação, a AME deve realizar uma assembleia extraordinária. Dessa vez com indicativo de manifestações e paralisações. A primeira seria no dia da abertura dos jogos da Copa do Mundo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*