thumb ministro rossette

Ministro do Desenvolvimento Agrário cumpre agenda no Acre

Miguel Rossetto chegou em Rio Branco na manhã desta sexta

Em agenda no Acre nesta sexta-feira, 9, o ministro do Desenvolvimento Agrário e Combate à Fome (MDA), Miguel Rossetto, aproveitou para conhecer o Complexo de Piscicultura do Acre, a Peixes Amazônia S/A. Ele esteve acompanhado do governador Tião Viana e dos deputados federais Perpétua Almeida e Sibá Machado.

O projeto de ponta irá tornar o complexo o maior do ramo no Brasil, abrangendo num único espaço um laboratório de alevinagem, que já foi entregue, além da fábrica de ração, que deve ser inaugurada dia 20 deste mês, e um frigorífico, com data para o dia 20 de junho.

No laboratório, o ministro teve contato pela primeira vez com o pirarucu, o maior peixe de água doce do mundo, e ficou surpreso ao saber que em dois anos ele possa chegar a 40 quilos, além do grande valor comercial.

Hoje o laboratório já produz e vende alevinos, principalmente de surubim, peixe capaz de dar retorno financeiro ao produtor em apenas dez meses. Ao conhecer as instalações da fábrica de ração, o ministro esteve a par de que ela usará uma tecnologia que nenhuma outra fábrica de ração no país terá, gerando um produto competitivo e de grande custo-benefício, com capacidade de processar 40 mil toneladas de ração por ano.

Tião Viana explicou que, além do complexo, o governo já entregou mais de quatro mil tanques de piscicultura para produtores e pretende construir mais de cinco mil tanques. O ministro Miguel Rossetto também se surpreendeu com a capacidade de o empreendimento fomentar a parceria público-privada: “É uma inteligência societária de arranjo empresarial, envolvendo as cooperativas e o setor privado. São novas inteligências e novas experiências que já carregam a marca do sucesso que será, sem dúvida, muito bom para o Acre e para o restante do país”.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*