No Acre, 14 partidos políticos estão inadimplentes na Justiça Eleitoral

Instituições não terão acesso ao fundo eleitoral até prestação de contas

Toda e qualquer movimentação de dinheiro feita por um partido político deve ser obrigatoriamente informada para a Justiça Eleitoral. Os gastos feitos nas campanhas devem ser relatados separadamente, mas dos 31 partidos presentes no Acre, 14 estão inadimplentes.

Estão na lista de inadimplentes da Justiça Eleitoral os partidos: Patriota; Partido Social Liberal (PSL); Rede Sustentabilidade (Rede); Partido Progressistas (PP); Podemos; Cidadania; Avante; Partido Socialista Brasileiro (PSB); Partido Comunista Brasileiro (PCB); Partido dos Trabalhadores (PT); Partido Comunista do Brasil (PCdoB); Democratas (DEM); Partido da Mulher Brasileira (PMB) e Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).

Os partidos que não apresentarem a prestação de contas quanto aos gastos de 2020 não vão ter acesso ao conhecido fundo eleitoral, entretendo quando se trata de política no Brasil tudo se tem um jeitinho, os partidos poderão apresentar a prestação de contas a qualquer momento e fugir da punição.

A ameaça de ficar sem o fundo eleitoral vem justamente quando o Congresso Nacional aprovou o Projeto de Lei (PL) que aumenta de R$ 2 bilhões para R$ 6 bilhões os recursos repassados aos partidos eleitorais. A expectativa é saber se o presidente Jair Bolsonaro vai vetar ou não o PL.

 

Com informações do repórter Adailson Oliveira (Foto: TV Gazeta)

Deixe uma resposta