thumb julgatre

James Gomes volta a ser prefeito do Quinari, decide TRE

Com parecer favorável do Ministério Público Eleitoral e por maioria dos votos, o prefeito James Gomes (PSDB) obteve decisão favorável ao recurso, na noite de ontem. Para os magistrados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), não existem provas de captação ilícita de sufrágio.

No julgamento, que durou mais de quatro horas, apenas a relatora do processo, Alexandrina Melo, apontou a existência do crime.

O prefeito foi cassado em setembro por decisão do Juiz da 8º Zona eleitoral Afonso Braña Muniz, que tomou por base as denúncias de que durante as eleições o então candidato teria oferecido uma roçadeira a um eleitor, R$ 300 a outro votante e a construção de um poço na comunidade Bonal.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*