2008-politica-marinasilvadois

“O PV não adotou a campanha”, diz porta voz da Rede

Militantes precisam melhorar desempenho

A Rede Sustentabilidade e o PSB realizam uma nova reunião na sexta-feira para elaborar estratégias de campanha e tornar o nome de Marina mais próximo do eleitor. A performance da candidata do PSB precisa melhorar na região Norte.

Exceção feita aos estados do Amazonas e Amapá (onde conquistou o segundo lugar nas urnas em 2010), em todos os outros estados do Norte Marina Silva ficou em terceiro lugar. Inclusive no Acre, lugar onde nasceu.

“Na época, o PV não estava, de fato, na campanha da Marina aqui no Acre”, avalia o porta voz da Rede Sustentabilidade no Acre, Carlos Gomes da Costa Souza. “Eles estavam muito envolvidos com a Frente Popular”.

O porta voz adianta que, sem verba partidária, a Rede aposta na capilaridade dos 33 candidatos que possui junto com o PSB para aproximar o discurso de Marina Silva das comunidades.

Enquanto grupo, a Rede só possui um candidato. Mas, o PSB tem estrutura possível de reverter o desempenho de 2010.

A apresentação do Programa de Governo Rede/PSB é outra aposta que pode tornar mais concreta as ideias da ex-seringueira. “O diálogo com as comunidades se concretiza partindo das candidaturas”, explica o porta voz.

Marina Silva teve, em todo país, 19.636.359 votos, segundo o Tribunal Superior Eleitoral. Isso corresponde a 19,33% dos votos válidos. Pelos números, fica sugerido que a compreensão das propostas voltadas para a aplicação de “políticas de sustentabilidade” encontra mais adesão nas regiões Sul e Sudeste.

O desafio da coordenação regional da campanha da candidata da agora candidata do PSB é melhorar o desempenho de Marina nos estados do Norte. Em uma campanha tão disputada, nunca o interior do país foi tão valioso.

Marina no Norte (eleições de 2010)

Acre

José Serra (PSDB) 52,13%
Dilma Rousseff (PT) 23,92%
Marina Silva (PV) 23,45%

Amapá

Dilma Rousseff (PT) 47,38%
Marina Silva (PV) 29,71%
José Serra (PSDB) 21,36%

Amazonas

Dilma Rousseff (PT) 64,98%
Marina Silva (PV) 25,71%
José Serra (PSDB) 8,47%

Pará

Dilma Rousseff (PT) 47,93%
José Serra (PSDB) 37,69%
Marina Silva (PV) 13,39%

Rondônia

José Serra (PSDB) 45,40%
Dilma Rousseff (PT) 40,73%
Marina Silva (PV) 12,71%

Roraima

José Serra (PSDB) 51,03%
Dilma Rousseff (PT) 28,72%
Marina Silva (PV) 18,77%

Tocantins

Dilma Rousseff (PT) 50,98%
José Serra (PSDB) 27,99%
Marina Silva (PV) 20,56%

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*