Banner Sanfonados

Oposição consegue vetar lei que permitiria uso de ônibus mais velhos

Projeto ampliaria de 5 para 10 anos o tempo de uso dos coletivos

A oposição conseguiu uma vitória frente aos vereadores da base da  prefeitura. Evitou a aprovação de um projeto polêmico, no qual  modificava uma lei aprovada pelos mesmos vereadores oito meses atrás.

O projeto de lei do Executivo ampliava de 5 para 10 anos o tempo de uso dos ônibus articulados (sanfonados). Isso significava veículos mais antigos na frota.  

Em outubro de 2013, a pedido da prefeitura,  o Legislativo condicionou que os ônibus articulados só poderiam rodar no sistema de transporte de Rio Branco com até 5 anos de uso.

A lei votada nesta terça-feira, 3, alterava para o dobro do tempo. Os vereadores de oposição que votaram contra a mudança acreditam que seria mais um problema para o sistema que coleciona reclamações.

A prefeitura faz uma outra conta e diz que esse tipo de veículo não vai rodar 24 horas, apenas nos horários de pico, por isso aguentam mais tempo e anos de trabalho. Segundo o líder do prefeito, vereador Gabriel Forneck, eles podem funcionar até 15 anos sem apresentar problemas.

Atualmente, dois ônibus articulados estão sendo usados em Rio Branco pelas empresas que operam o sistema. Um deles tem 8 anos de uso. A única mudança aprovada pela Câmara é a permanência dos atuais ônibus até o fim do contrato, no mês de novembro.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*